Uso Consciente das Redes Sociais para os Profissionais da Saúde




USO CONSCIENTE DAS REDES SOCIAIS: COMO ADMINISTRAR O PESSOAL DO PROFISSIONAL?

Por • 23 de Agosto de 2017 • 4 Comments

O espaço virtual e as redes sociais são relativamente novos e a maneira de estar neles também está em descoberta, por isso o uso consciente das redes sociais é muito importante, uma vez que não se trata somente de expor sua personalidade, mas de expor sua imagem e reputação como representante da categoria de profissionais de enfermagem.

Do ponto de vista ético e legal, o termo refere-se aos padrões de conduta moral, isto é, padrões ou comportamentos relativos ao paciente, a instituição e aos colegas de trabalho. Ter a capacidade de discernimento, saber o que é certo e o que é errado, como agir para chegar ao equilíbrio.

O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) listou algumas exigências aos profissionais da área ao utilizarem as redes sociais.

A Resolução nº 554 tem o objetivo de salvaguardar a privacidade de pacientes e nortear postura dos profissionais da área, entre auxiliares, técnicos, enfermeiros e obstetrizes.

Uso Consciente das Redes Sociais

Principais exigências do Conselho Federal de Enfermagem sobre o uso consciente das redes sociais

  • CONSIDERANDO a necessidade de uniformizar as práticas de uso e de comportamento ético para a divulgação de assuntos de Enfermagem em meios de comunicação e nas mídias sociais, em todo o Território Nacional;
  • CONSIDERANDO que as entidades e os profissionais de Enfermagem têm a obrigação de proteger a pessoa, família e a coletividade, vítimas de exposição e/ou publicação de imagens que comprometem o direito inalienável à privacidade, estando os mesmos sujeitos a este regulamento ou quando da veiculação de publicidade ou propaganda indevidas;
  • CONSIDERANDO que o Cofen respeita a liberdade de expressão dos Profissionais de Enfermagem e espera que usem as mídias sociais com responsabilidade, conscientes das oportunidades e também das consequências que seus atos podem gerar.

Pontos a serem levados em consideração

As redes sociais tem caráter pessoal e informativo que moldam o tipo de pessoa que você é, ao publicar informações profissionais, há uma quebra no Código de Ética da profissão, por isso atente-se a alguns pontos sobre o uso consciente das redes sociais:

 

Esses princípios devem ser cumpridos ao iniciar sua jornada de trabalho, existem maneiras legais e aprovadas para apresentar e divulgar o trabalho exercido com amor.

Independente das redes sociais, sempre haverá alguém acompanhando o profissional que você é. Por isso, vamos fazer o correto?

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos ou mande novas sugestões para a CNPH, pois ficaremos felizes em escrever novos conteúdos relacionados à área da saúde para você.

Siga-nos nas redes sociais. 😉

Categoria:Sem categoria

CNPH

Presente no segmento médico-hospitalar desde 1994, a CNPH oferece a seus clientes produtos e serviços de alta performance, tecnologia, inovação e conceito, tendo como objetivo o auxílio de profissionais de diversas áreas da saúde, na escolha de produtos e equipamentos necessários para o atendimento do paciente com total segurança.

Comentários

  1. Esta temática é extremamente importante , muito se usa as redes sociais de forma errôneo é importante orientação aos profissionais de saúde até onde podemos ir.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *