Liderança na Enfermagem: colocando em prática | Blog CNPH




LIDERANÇA NA ENFERMAGEM: COLOCANDO EM PRÁTICA

Por • 27 de Julho de 2017 • 2 Comments

A liderança na enfermagem vem sendo estudada como um fenômeno de grupo, envolvendo um processo de influência de um indivíduo sobre os demais ou sendo a liderança um processo coletivo e, portanto, compartilhado entre todos os membros.

A liderança é um processo de influenciar as atividades de um indivíduo ou grupo para a execução de um objetivo numa dada situação, com a questão: o que o líder é e o que ele faz, delineando os estilos de liderança de cada um.

Algumas características de líderes podem ser genéticas, outras precisam ser desenvolvidas, mas é a união das características básicas e da dinâmica do seu comportamento que produz uma liderança eficaz.

lideranca-na-enfermagem-e1500902919188x

Enfermeiros acreditam que para ser líder é preciso ter potencial

Para ser líder é considerado um desenvolvimento favorecido por um ambiente propício aliado ao desejo de ser líder.

As pessoas aprendem a liderar através do tempo e espaço para se revelar, orientadas por uma clareza do que é uma boa liderança, através de estudos, especializações e oportunidades para desempenhar esse papel.

A enfermagem tem exercido a liderança com base na prática diária, na instituição, nos pacientes e membros da equipe, porém, não se pode esquecer que o líder também é um membro da equipe e deve liderar o grupo como um todo.

liderança na enfermagem

O discurso atual consiste em delegação de poderes, alianças, equipes, envolvimento, parcerias, negociações e exploração da motivação humana. Trazendo uma nova linguagem, uma nova abordagem de liderança.

Há necessidade de desenvolver lideranças em enfermagem que venham ao encontro desta nova abordagem, para promoverem mudanças nas organizações, sejam hospitalares, no âmbito de saúde pública, de ensino, pesquisa nas entidades de classe. Esses são os líderes que influenciam suas instituições e sua influência repercute diretamente na profissão.

Onde se faz necessário o desenvolvimento de líderes e da liderança no contexto da enfermagem, sendo necessária uma mudança de estilo de liderança na enfermagem: de um estilo autoritário para um estilo participativo.

O líder deve apresentar características de personalidade que facilitem o exercício de tal estilo, pois enfocam a flexibilidade, o saber ouvir, o apoiar o grupo, o facilitador do processo.

O enfermeiro é contratado pelas instituições para coordenar uma equipe e gerenciar a assistência ao paciente, essa função acaba influenciando na equipe de enfermagem e na equipe interdisciplinar.

Objetivos da liderança na enfermagem

1. Conhecer o significado de liderança atribuído pelos enfermeiros;

2. Identificar as dificuldades enfrentadas pelos enfermeiros no exercício da liderança;

3. É preciso consciência das responsabilidades que lhe são atribuídas na função de liderança;

4. Capacidade de reflexão para entender os problemas de cada membro da equipe de trabalho, para estabelecer formas de melhorar as habilidades de cada profissional;

5. Acesso a cursos de capacitação e especialização para líderes, visando melhorar o trabalho desempenhado;

6. Enfrentar desafios diários e partir para negociação em busca de uma direção participativa, visando melhorar o trabalho direção/profissional/paciente;

7. Planejem dinâmicas de grupo que não causem ônus para empresa e melhorem o relacionamento interpessoal, refletindo na assistência de qualidade aos pacientes;

8. Capazes de tomar decisões em situações complexas.

Ainda tem dúvidas sobre liderança na enfermagem? Conte suas dúvidas pra gente aqui nos comentários!

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos ou mande novas sugestões para a CNPH, pois ficaremos felizes em escrever novos conteúdos relacionados à área da saúde para você.

Siga-nos nas redes sociais. 😉

Categoria:Sem categoria

CNPH

Presente no segmento médico-hospitalar desde 1994, a CNPH oferece a seus clientes produtos e serviços de alta performance, tecnologia, inovação e conceito, tendo como objetivo o auxílio de profissionais de diversas áreas da saúde, na escolha de produtos e equipamentos necessários para o atendimento do paciente com total segurança.

Comentários

  1. Excelente artigo!!!
    Parabens pela inicativa e divisão dos conhecimentos!!!!
    As dificuldades que permeiam o contexto do enfoque aqui são de fato o ápicê do lider.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *